onselectstart='return false'>

E nunca mais seremos os mesmos*

04 agosto 2010




Eu gostei de quando você chegou
Sentou, sorriu e fez morada em minha vida
Você quebrou barreiras, distâncias, muralhas que me cercavam do mundo
Levou-me para fora e permitiu que o externo se tornasse interno em meu ser
Explicou,complicou,inventou mistérios
E tirou tudo do lugar
Fez-me ver a vida pelo avesso

Eu gostei de quando você chegou...
Mas embaralhei no caminho, tropecei em seus passos
E entendi errado o que quis me mostrar
Esperando um abraço, foi de meus braços que quis se afastar

Desfaço meus passos,
Faço um novo compasso para o meu andar
E é longe de tudo, é longe de todos que busco então recomeçar
Porque eu sei que em meio a sorrisos
Houve lágrimas
E pra cada gota que caiu, limpou uma pegada marcada ao chão
E assim como uma pegada some
O passado é esquecido
Nossa história muda
E nunca mais seremos os mesmos


*Por: Lorena Neves(My Great Grandma)

2 comentários:

Ana Paula Duarte disse...

NOSSA!
Fiquei um instante sem palavras, isso acontece quando muitos sentimentos vem à tona!
Adorei o modo como conduziu a poesia, me senti em cada linha deste poema.
Parabéns.

kelman disse...

Simplesmente...maravilhoso!