onselectstart='return false'>

Misterioso Olhar

23 janeiro 2010







 Ao som do canto dos pássaros ela dança

Sem se envergonhar ela sorri

Um sorriso tão majestoso que ilumina todo o lugar

Mas espere... Ninguém entende o que ela faz

Mesmo fascinados por tanta beleza e esplendor

Ainda se perguntam: De onde será ela?



Ela é a alegria de todos da aldeia

Ela é a razão de toda essa festa

Mas quem é está?

Um curioso que estava a passar

Levanta mais um questionamento

Mas todos perplexos não respondem

A tal pergunta que naquele momento

Não era tão importante quanto aos movimentos

Da silhueta que de forma exuberante saltava de alegria



Até a sua sombra fazia todos ficarem mudos

Oh quão bom é ver todos desse jeito.

E como me sinto tão bem por estar vivenciando este momento

Tão sublime e histórico para todos.



Mas ainda fica a pergunta no ar

Quem será esta?

Agora desvendo a ti este misterioso olhar

Esta é a que não tem vaidade

Ela é a vida que passa através dos anos.

4 comentários:

Presto disse...

Cara Muito Legal !
É impresionamte a capacidade que essa jovem poeta tem de lhe dar com as palavras !

Gutox disse...

vlw cara..mas num é "essa",é esse!
hehe!

Ana Paula Duarte disse...

NOOSSA, que lírica lindaa!!
Adoreii d+ e a foto então casou com a poesia*
Parabéns Gutox, continue atuializando o blog aqui!
Sou fâzona da boa escriitaa!
beijoos*

Genny disse...

" mas num é "essa",é esse! "
hahaha, eu rir ! :B

Velho , Deus te deu essa impressionante facilidade de escrever ! Continue assim sempre ! haha e seu livro ? :O *-*